Quinta, 25 de Julho de 2024 00:45
21 980339041
Internacional Interncional

Delegação de parlamentares brasileiros é recebida no Congresso dos Estados Unidos e denuncia situação da democracia no Brasil

Desastres da diplomacia brasileira, aproximação de ditaduras socialistas e deterioração das liberdades individuais foram os temas dos encontros

16/11/2023 11h31 Atualizada há 8 meses
Por: Carlos Larangeira Fonte: Locals: Por Paulo Figueiredo
Delegação de parlamentares brasileiros é recebida no Congresso dos Estados Unidos e denuncia situação da democracia no Brasil

Washington DC, EUA – Hoje, a capital americana foi palco de uma notável visita de um importante grupo de parlamentares brasileiros, que vieram com uma agenda ambiciosa e um propósito definido: fortalecer os laços diplomáticos entre o Brasil e os Estados Unidos. A missão principal era entregar uma carta endereçada ao Congresso dos EUA, assinada por cerca de 100 legisladores do Brasil, que articula uma urgente chamada para o restabelecimento das relações bilaterais entre as duas nações.

A carta ressalta a trajetória compartilhada de Brasil e Estados Unidos como bastiões da liberdade e da democracia. Ela expressa uma profunda preocupação com o recente afastamento dos ideais democráticos no Brasil e aponta para uma aproximação preocupante do governo brasileiro com regimes autoritários. Os signatários da carta fizeram um apelo aos seus colegas americanos para que reconheçam e investiguem possíveis interferências nos processos democráticos do Brasil e ajudem a redirecionar o país de volta ao seu curso tradicional de aliança com as democracias ocidentais.

A comitiva era composta pelos senadores Jorge Seif e Magno Malta, e pelos deputados Eduardo Bolsonaro, Alexandre Ramagem, Gustavo Gayer, Altineu Cortes, Capitão Alberto Neto e a deputada Julia Zanatta, com a presença marcante do jornalista Paulo Figueiredo, atualmente asilado nos EUA. Eles foram recebidos por membros influentes do Congresso americano e por equipes do Comitê de Relações Exteriores da Casa dos Representantes, compartilhando longamente suas perspectivas e alarmes sobre a realidade brasileira.

"Poucos americanos tinham ideia do que estava acontecendo com o Brasil. Agora, eles estão cientes," enfatizou o Deputado Eduardo Bolsonaro sobre as reuniões. "Para os congressistas americanos, verem um jornalista brasileiro com o seu passaporte cancelado por crimes de opinião foi algo estarrecedor," adicionou o deputado Gustavo Gayer, apontando para a surpresa dos legisladores americanos diante das alegadas violações das liberdades civis no Brasil. Enquanto o deputado Alexandre Ramagem trouxe à tona as preocupações dos EUA quanto às relações do Brasil com Israel, o Senador Magno Malta foi direto ao declarar: "A ditadura brasileira agora está escancarada." O Senador Jorge Seif deixou claro que não se trata de um pedido de interferência americana na soberania brasileira, mas sim da abertura do canal de diálogo entre o congresso das duas maiores democracias do hemisfério. Foi dado o primeiro passo.

Após as reuniões que marcaram o dia, os parlamentares brasileiros ainda têm compromissos importantes: estão agendadas visitas à Comissão Interamericana de Direitos Humanos da OEA e ao renomado think tank Heritage Foundation, onde continuarão a expor a situação do Brasil e buscar apoio internacional para suas causas e preocupações. Estas reuniões são passos cruciais na busca por atenção e ação internacional diante dos desafios que o Brasil enfrenta atualmente.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Niterói, RJ
Atualizado às 21h04
20°
Parcialmente nublado

Mín. 16° Máx. 23°

20° Sensação
4.63 km/h Vento
86% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (26/07)

Mín. 18° Máx. 26°

Tempo nublado
Amanhã (27/07)

Mín. 19° Máx. 26°

Tempo nublado
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias